Linda amizade de uma menina autista e sua gata

08/10/2014 na Categoria Animais
, , com 1

Hoje vamos falar sobre o suporte de um gato a uma menina autista.

Iris Grace é uma menininha de 5 anos, da Inglaterra, que possui autismo. Para quem não sabe, o autismo é uma desordem do desenvolvimento que possui diversos níveis e que, em geral, atrapalha o indivíduo no desenvolvimento e na interação social.

E aí entram as terapias com animais. Como os animais não são tão intimidadores como os humanos, eles desempenham um papel importante no desenvolvimento e até no dia a dia de pessoas com autismo.

Segundo a mãe de Iris, Arabella Carter-Johnson, ela tentou diversas terapias com animais para a filha. Arabella tentou a terapia com cavalos, mas Iris não se interessou, depois ela tentou a terapia com cães, mas segundo ela, Iris não gostava que o cão lambesse o seu rosto e não se adaptou com a hiperatividade do cachorro. Ela até fez uma primeira tentativa de terapia com gatos, mas a menina não se interessou.

Porém, um dia sua cunhada precisou de um lugar para deixar seu gato enquanto ia viajar e Arabella ficou com o bichano que imediatamente criou afinidade com Iris. Foi quando ela percebeu que o que faltava era encontrar o bichinho certo para a filha.

E após diversas tentativas e erros, eis que surge Thula, uma Maine Coon de quase um ano, que se tornou a companheira inseparável de Iris. Segundo sua mãe, Thula não é um gato treinado para terapia, mas aprendeu a ser o apoio de Iris.

Arabella diz que a gatinha ajudou a reduzir a ansiedade de Iris e mantê-la calma, ao mesmo que a encoraja a ser mais social. De acordo com ela, nos últimos anos, Iris tem tido alguns problemas em tomar banho e lavar seus cabelos, mas Thula tem ajudado, entrando na banheira junto com Iris e até deixando que elas passem shampoo nela. Outro desafio era acordar e aproveitar o dia, mas com Thula, ela tem se envolvido melhor nas atividades e até mesmo em passeios de bicicleta.

Confira abaixo algumas fotos da duplinha:

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato

Menina Autista Gato
Um “efeito colateral”, ou podemos chamar de dom, em muitos autistas, é o desenvolvimento extremo de alguma habilidade, como desenho, música, memória, etc.

Iris gosta e se sai muito bem, fazendo pinturas.

Tudo começou como uma terapia para ajudar a menina a desenvolver a fala e melhorar sua concentração, mas a Arabella foi percebendo que as pinturas ficavam realmente bonitas e conseguiam prender a atenção da filha por até 2 horas, além de mostrarem um talento natural de Iris ao lidar com diferentes combinações de cores para criar trabalhos únicos.

Confira as fotos da menininha e suas pinturas. Repare que Thula não perde uma e não sai do lado dela.

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Menina Autista Pintora

Bem legal né?! Diga o que você achou, deixe seu comentário, compartilhe!!

Se quiser conhecer mais sobre essa talentosa menininha, clique aqui para ir para o seu site.

Vimos no Bored Panda.

1 comentário

  • Mauro Moreira
    em 20/10/2014 Responder

    Emocionante!!
    Muito legal!!

Adicionar comentário